quarta-feira, 30 de março de 2016

Mudando primeiro nosso mundo

O homem sonha com a conquista do universo,
Porém não conhece os pólos do seu próprio Planeta.
Gastamos bilhões
Para provar a existência de vida fora da Terra,
Ao tempo que nela não conseguimos ao menos
Mudar nós mesmos.
Queremos fazer tudo
E, infelizmente, acabamos não fazendo nada.
Queremos salvar as baleias
Mesmo que para isso ignoremos
A extinção de nossa própria espécie.
Devastamos nossas esquinas,
Desencantamos nossas crianças,
Desamparamos nossos velhos.
Seguindo desse modo nossa desumanidade,
Estamos certos de nossa incongruência com o futuro.
Nossa desarmonia com a vida é assombrosa!
Para mudar nossas ruas,
Primeiro precisamos mudar nossas casas.
Só mudaremos nossas casas,
Quando mudarmos nossas atitudes.
Nossas atitudes são reflexos
De como encaramos a vida.
Nossa forma de encarar a vida
Depende de nossos pensamentos.
A solução, então, é mudar os pensamentos?
É o primeiro passo!
Mudemos nossos hábitos.
Fazendo assim,
Mudaremos nosso bairro,
Nossa cidade,
Estado, País, Continente e o Mundo.
Antes de exigir de nossos filhos,
Primeiro devemos exigir de nós.
Não cobremos do nosso cônjuge
Antes de cobrar de nós mesmos.
Apenas desse modo
Transformaremos nossas famílias,
Vizinhos, amigos, conhecidos, desconhecidos...
Estar seguindo firme um caminho,
Não significa estar certo do seu destino.
O mais difícil na caminhada
É ter coragem de olhar para trás
E saber no mundo certo,
Se está na hora de voltar ou de seguir avante.
Tenha coragem!
Volte, se for preciso!
Mude, se achar necessário.
Permita-se o título de ser humano.
Você erra,
E orgulho não combina com equívoco.
O mundo espera por mudanças.
O seu mundo está disposto a mudar por isso?

Rastros de um Segredo

http://2.bp.blogspot.com/-XKpGC0LxMmI/TZdhOkeuQ6I/AAAAAAAAAx0/tdllfxbar-Q/s1600/sentimento.jpg
Imagem
O meu desejo é o mesmo,
Minhas esperanças já não são.
Sinto, quero e imagino
Tudo que arquiteto no coração.
Como se afugenta um cão,
Mandei embora minha meta
Apaguei da mente o desenho,
Que um dia sonhou meu coração.
Tudo por amor decidi:
Não ter, não tocar, não mais sonhar,
Decidi te deixar.
O que ainda não consegui
E espero nunca alcançar,
É te ter, e deixar de te amar